quarta-feira, 20 de junho de 2007

Porto Turístico de Florianópolis

Segue abaixo contribuição via e-mail de Marcus Phoebe Farias sobre a última "sensação" do momento. Leiam as reportagens, consultem os sites, dêem sua opinião. Análises de profissionais do ramo ambiental sobre o novo projeto são bem-vindos via email.

Um Porto Turistico de Florianópolis está sendo cogitado, e já passou inclusive pela mesa do vice-governador, sendo a sua concretização incentivada pelo atual governo.

O projeto visa a construção de um terminal para transatlânticos, a ser instalado no estreito, junto à beira-mar continental e próximo à Ponta do Leal. Para tanto, parte do canal que vai da ponte Hercilio Luz até a extremidade norte da ilha será dragada.

Maquete eletrônica:
www.portoturisticodeflorianopolis.blogspot.com

Segue alguns links onde podemos encontrar conversas e divulgações do tal projeto orçado em 60 milhões de Euros:

Jornal A Notícia:
http://www.an.com.br/colunistas/2007/abr/27/0ben.jsp

http://www.sc.gov.br/clipping_governo/coluna_int.asp?str_data=05/05/2007&str_retorno=clipping.asp&cd_coluna_desc=2481

Conversa com Leonel Pavan
http://www.leonelpavan.com.br/noticias/noticias.cfm?noticia=938

27 comentários:

Anônimo disse...

E o Floripa shopping continua nas páginas policiais. Agora a justiça determinou a suspensão da promoção que daria dois carros de presente aos frequentadores em virtude de irregularidades.

Anônimo disse...

Mais um megaempreendimento mirabolante. A polícia mal acaba de desmantelar uma quadrilha, rapidinho forma-se outra.Todos querem tirar uma casquinha do bem público, fazer fortuna sob a égide da capital da qualidade de vida e em nome da natureza, destruí-la. Quero o Miramar de volta seus desenvolvimentistas!

Anônimo disse...

Bem é simplesmente a ganância que esta tomando conta destes politicos corruptos,pq claro todos sempre saem ganhando,pq na verdade sabemos que não precisamos de Porto nenhum,o que precisamos e consciência ecologica!!!!!!!!!!!!

Advogado Ernesto São Thiago disse...

Peço encarecidamente que antes de emitirem comentários precipitados conversem comigo.
Não sou político, não sou empresário.
Sou um idealista.
O Porto Turístico de Florianópolis é um projeto pautado pela legislação ambiental e está sendo assessorado por uma empresa que conta com mais de 18 anos em gestão ambiental e técnicos graduados com mestrado e doutorado na área.
Ele pretende ser um paradigma do desenvolvimento realmente sustentável.
Estamos muito no início ainda, então tenham um pouco mais de paciência que em breve informações mais detalhadas serão repassadas para análise crítica.
Qualquer projeto de certo vulto não prescinde do diálogo com as autoridades e lideranças empresariais do momento, da mesma forma que não prescinde do diálogo com a comunidade.
Exatamente por isto estou divulgando o conceito do projeto desde o início.
Fraternalmente,

Erensto São Thiago
Coordenador Executivo do Projeto

Advogado Ernesto São Thiago disse...

Houve apresentação do projeto para as seguintes pessoas em razão do cargo ou função que ocupam, no intuto de se colher sugestões e críticas construtivas:

LEONEL PAVAN, vice-governador;
GILMAR KNAESEL, secretário estadual do turismo;
DÁRIO BERGER, prefeito de Florianópolis;
MÁRIO CAVALLAZZI, secretário municipal do turismo;
CÉSAR AMORIM KRIEGER, delegado de polícia diretor de informação estratégica da SSP do Estado;
HAMILTON HENRIQUE, capitão dos portos de Santa Catarina;
GEAN LOUREIRO, vereador presidente da Frente Parlamentar para o Desenvolvimento do Continente;
ARLINDO ISAAC DA COSTA, presidente do grupo Pioneira da Costa;
HERALDO VALLE, presidente da Sociedade de Amigos da Marinha - SOAMAR;
RONALDO SHARA, presidente do Rotary Clube de Florianópolis;
NORTON FLORES BOPPRÉ, presidente do Figueirense Futebol Clube;
ARNALDO S. THIAGO, ex-administrador do Porto de São Francisco do Sul, SC;
ITAMAR CAVALLI, presidente do CDL de Florianópolis;
PEDRO SPRINGMANN, diretor executivo da INTECH Engenharia e Meio-Ambiente Ltda.;
PÉRICLES PRADE, sócio de Prade & Prade Advogados.

Com o mesmo intuito hoje ele vai ser apresentado informalmente a CARLOS LEOMAR KREUZ,presidente da FATMA.

Semana que vem será apresentado à senadora IDELI SALVATI; a CASILDO MALDANER, presidente do BRDE; a JURGEN BAILOM, vice-presidente internacional da Island Cruises, empresa do grupo Royal Caribbean; e a OSMARI CASTILHO RIBAS, diretor superintendente administrativo do Porto de Navegantes - PORTONAVE.

Seguirei postando aqui as próximas audências privadas e noticiarei com a devida antecedência as audiências públicas.

À medida em que ficarem prontos, postarei também aqui links para todos os documentos relativos ao projeto.

Daniel disse...

Só farinha do mesmo saco.

Eu quero saber quando vai ter uma audincia pública.

Daniel disse...

corrigindo, audiência ;)

Anônimo disse...

"Seu" Tiago já ouviu falar em alguma coisa parecida com Núcleo gestor ou Plano Diretor Integrado e Participativo? Vale a pena ler tb o Estatuto das Cidades.

Advogado Ernesto São Thiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Advogado Ernesto São Thiago disse...

Daniel, já que vc. não tem respeito por nenhuma das pessoas com as quais conversei até agora, e talvez não terá por nenhuma outra no IBAMA, no SPU, no IPUF, na FLORAM, no MTUR, nos conselhos comunitários, ou seja, por nenhuma das pessoas e instituições às quais o projeto necessariamente será apresentado em busca das devidas licenças e apoios, faça a gentileza de nominar as pessoas às quais vc. acha que ele deve ser apresentado e o porquê.

A audiência pública vai ocorrer no momento previsto em lei, mas independente dela ele vai ser apresentado à comunidade do Estreito na instalação da próxima reunião da Frente Parlamentar para o Desenvolvimento daquele bairro, com a presença de lideranças empresariais, políticas e comunitárias da região.

O CDL de Florianópolis também pediu uma palestra sobre o empreendimento, que vai ser apresentado em uma reunião conjunta com representantes do CDL, da ACIF, da ABIH, da ABRASEL, etc.

Quando às normas que deverão ser atendidas, elas serão objeto de estudo do advogado e professor PÉRICLES PRADE e da empresa de gestão ambiental INTECH, que conta com mestres e doutores, inclusive formados pela UFSC, em seus quadros.

Daqui em diante, por uma questão de isonomia, me reservo o direito de não responder a quem posta como anônimo.

Luis disse...

Tenho a ligeira impressão que o Sr. Ernesto São Thiago, obviamente um sujeito bem-intencionado e que pretende ver esta cidade melhor do que no marasmo atual, está perdendo tempo em responder as questões que aqui surgem. Aqui, Sr. Ernesto, favela é cultura e cocô é adubo. Como espera que as pessoas que amam aquela bosta de Miramar - um trapiche caindo aos pedaços, com lixo e merda boiando por todo lado - possam entender o seu projeto.

Minha sugestão: vá trabalhar em cima de seu belo projeto e não perca tempo.

Carlos disse...

Por ser coco o adubo, pessoas como vocês afloram aos montes.

Anônimo disse...

Concordo com o Luís, em Florianópolis favela poluindo tudo, pode, emprendimento não, êta povo, santa ignorância!!

Anônimo disse...

E mais,gostaria de saber se algum desse inteligentes ai, já fizeram na prática alguma coisa pra mudar a cidade, só criticar fácil, Floripa,uma nova ciDADE, COM MARINAS, PORTOS E MUITOS MUITOS TURISTAS

Hélio Costa disse...

hahaha, esse ultimo anônimo deve ser aquele cara do curso de Turismo da Estácio!! HAHAHAHAHAA!! tadenho...

Anônimo disse...

O PORTO DE FLORIANOPOLIS SEM DÚVIDA É UM PROJETO QUE FAZ FALTA A CIDADE,DESDE O FECHAMENTO DO ANTIGO EM 1964,POIS PODE TRAZER TURISTAS DE QUALIDADE,MAS FICA A RESALVA DE QUE SERÁ INTEGRADO COM A CULTURA LOCAL,E QUE NÃO PARA ENCHER BOLSOS DE "EXTRANGEIROS" "HAOLES" , NEM DA " CORJA' DE POLITICOS QUE QUEREM PRESTIGIO E PODER AS NOSSAS CUSTAS.

Anônimo disse...

nao misturem as coisas, uma coisa são as favelas, probelmas sociais e históricos que cabe ao governo resolver, outras são empreendimentos privados que serão grandes elefantes brancos que tentam se respaldar no bonito conceito do desenvolvimento sustentável.
...

francisco sousa disse...

francisco sousa

Mirabolante ou não,o que importa é a atitude de procurar fazer alguma coisa, vivemos cercados por agua e não se faz nada, ficar no marasmo é que não pode, toda e qualquer iniciativa para atrair o turismo é bem vinda, no verão quando chove não tem mais nada a se fazer nesta cidade a não ser ir a shopping,parabéns pelo projeto.

francisco sousa disse...

faltou dizer, quem não se identifica, se esconde atraz do anonimato, não merece nem resposta

Anônimo disse...

É o seguinte: Sou aluno de oceanografia e esse ano de 2009 vamos fazer um simplificado EIA (estudo de impacto ambiental). O que já sabemos, é que não seria necessária apenas uma dragagem para os barões poderem chegar à ilha, até o fim da vida desse porto seriam feitas inumeras dragagens...
As baías são ambientes de deposição de sedimentos principalmente os finos e muito finos. Que tipo de impacto a remobilização desse sedimento poderia causar? No final de julho saberemos...

Anônimo disse...

It isn't hard at all to start making money online in the underground world of [URL=http://www.www.blackhatmoneymaker.com]blackhat internet marketing[/URL], It's not a big surprise if you don't know what blackhat is. Blackhat marketing uses alternative or misunderstood ways to produce an income online.

Anônimo disse...

Acho irônico e paradoxal que o "Advogado Ernesto São Thiago" não tenha nada melhor para fazer do que passar o dia em blogs e sites de relacionamento trocando farpas com anônimos e adolescentes, sempre ofendendo pessoalmente todos aqueles os quais se posicionam contra suas opiniões e projetos pessoais.

Eng. G.S. - Florianópolis, SC

Adalberto Vieira disse...

"Meter o pau", "descer a lenha", é muito, muito fácil, sem se tomar conhecimento de todas as informações pertinentes a um projeto com uma visão tão responsável e inovadora. Se esconder em pseudônimos como "Anônimo", meu Deus, é o "fim da picada". Trata-se de covardia, de quem não tem coragem de colocar suas idéias - se é que elas existem - para que se possa chegar à uma conclusão justa. Normalmente, um "Anônimo", quando critica, ou não sabe o que está dizendo, ou nem ele(a) acredita no que diz. Não advogo para Ernesto São Thiago. Sequer o conheço pessoalmente. Mas não posso concordar com "pseudo ambientalistas", "ecochatos", que não têm a menor idéia do que seja o conceito de SUSTENTABILIDADE. "Anônimo", se informe antes, estude, não seja um "papagaio de pirata", repetindo "mantras" que -de "ambientalistas" não possuem absolutamente nada. Talvez, aspas possam definir o que o "Anônimo" é. Melhor, o que "pensa" que é...
Em tempo: Parabéns, Ernesto São Thiago. Seu projeto é muito, muito bom!

Anônimo disse...

[url=http://www.onlinecasinos.gd]casino[/url], also known as accepted casinos or Internet casinos, are online versions of diurnal ("chum and mortar") casinos. Online casinos concurrence gamblers to dissemble and wager on casino games from the info suitable for the Internet.
Online casinos typically consign on the trade odds and payback percentages that are comparable to land-based casinos. Some online casinos contend higher payback percentages with a picture play aid games, and some insist upon known payout compass audits on their websites. Assuming that the online casino is using an aptly programmed unspecific diversified generator, catalogue games like blackjack clothed an established congress edge. The payout segment on the side of these games are established at closer the rules of the game.
Multitudinous online casinos equip minus or acquirement their software from companies like Microgaming, Realtime Gaming, Playtech, Ecumenical Confidence trick Technology and CryptoLogic Inc.

Anônimo disse...

top [url=http://www.001casino.com/]online casino[/url] hinder the latest [url=http://www.realcazinoz.com/]online casinos[/url] manumitted no consign hand-out at the best [url=http://www.baywatchcasino.com/]www.baywatchcasino.com
[/url].

Anônimo disse...

[url=http://www.23planet.com]online casino[/url], also known as accepted casinos or Internet casinos, are online versions of normal ("buddy and mortar") casinos. Online casinos legalization gamblers to extemporize and wager on casino games to a t the Internet.
Online casinos customarily invite odds and payback percentages that are comparable to land-based casinos. Some online casinos avow on higher payback percentages against mission automobile games, and some promulgate payout quota audits on their websites. Assuming that the online casino is using an correctly programmed unsystematic bouquet generator, eatables games like blackjack comprise an established borderline edge. The payout shard preferably of these games are established invoke occasion to a climax to the rules of the game.
Assorted online casinos develop infected with or bow their software from companies like Microgaming, Realtime Gaming, Playtech, Worldwide Prank Technology and CryptoLogic Inc.

Anônimo disse...

http://www.msn.com/ - [url=http://www.msn.com/]msn[/url] msn
msn